quinta-feira, 9 de junho de 2016

Marrocos - Chefchouen

Deixámos Tetouan, a medina branca, e descemos até Chefchouen a medina azul.

Em Tetouan a chuva acompanhou-nos na visita, e foi connosco até Chefchouen, mas apesar disso, não nos impediu de visitar nenhuma das 2 medinas.

 photo Marrocos 324_zps8fqvzi0d.jpg

Já chegámos um pouco tarde, pelo que foi só fazer o check in no hotel, e sair para explorar a medina e jantar.

Como não tínhamos nenhum plano de visita em especial, e como precisávamos de jantar, resolvemos partir à procura da praça Uta el-Hammam, que foi o local escolhido pelo MSP na viagem a Marrocos para jantar em Chefchouen.
Aqui aproveito para agradecer as dicas e o programa de viagem que nos foi "emprestado" pelo Torres, e que deu um jeitaço!

Por coincidência tínhamos marcado alojamento exactamente no mesmo hotel que eles, e é fácil perceber porquê - é o que fica melhor localizado para visitar a pé a medina. É muito pitoresco, e o pessoal é simpático, só não gostei muito foi do banho de muito pouca água, e fria, que tomei :-O

 photo Marrocos 328_zpsyv8qrcgt.jpg

 photo Marrocos 330_zpsc4drg477.jpg

 photo Marrocos 331_zpsoajtkn9u.jpg

 photo Marrocos 332_zpsletthiuo.jpg

No Ibis de Tanger estavam estas 2 motas que ainda lá ficaram. Mais tarde, vimo-las passar em Tetouan, e fomos encontrá-las no hotel em Chefchouen.

 photo Marrocos 333_zpst6u6vepi.jpg

Quando pensamos em Marrocos, pensamos em deserto, e em cenários áridos, amarelos dourados, mas nesta zona o cenário é verde, e em Chefchouen corria água por todo o lado.

 photo Marrocos 335_zpsxaigqwc9.jpg

 photo Marrocos 365_zpsvakdgdou.jpg

 photo Marrocos 345_zpsccdzvikw.jpg

 photo Marrocos 346_zpslbewwejd.jpg

 photo Marrocos 370_zpsmkbldsxu.jpg

 photo Marrocos 351_zpsae1cdcqi.jpg

 photo Marrocos 354_zpsph4ibi0x.jpg

É sem dúvida uma medina muito bonita, mas achei o tom do azul um bocado diferente do que estou habituada a ver nas fotos dos muitos viajantes que por lá passam.
Fiquei na dúvida se seria por causa época do ano, ou da luz de fim do dia, ou do céu nublado, ou até por causa da chuva, porque a cor é dada na cal, e como se sabe as paredes caiadas assumem uma cor um pouco diferente quando estão molhadas.

 photo Marrocos 359_zpszgomrfgm.jpg

 photo Marrocos 360_zpsqcbvxaoj.jpg

 photo Marrocos 361_zps9lxn8cpp.jpg

 photo Marrocos 366_zpsmih941sr.jpg

 photo Marrocos 367_zpszcjzcm5d.jpg

 photo Marrocos 372_zpsaggr5rlp.jpg

 photo Marrocos 373_zpsivgawi2z.jpg

 photo Marrocos 379_zps3kea9mo5.jpg

 photo Marrocos 380_zpsn09cevgc.jpg

 photo Marrocos 381_zpscapbcv9c.jpg

 photo Marrocos 382_zpsccd6gex1.jpg

 photo Marrocos 383_zps1yzxrw9j.jpg

 photo Marrocos 386_zpsq9na1xaw.jpg

 photo Marrocos 388_zpsygswrkm5.jpg

 photo Marrocos 389_zps4cly7os2.jpg

 photo Marrocos 391_zpsaaj2vtss.jpg

 photo Marrocos 392_zpsowbmudjk.jpg

 photo Marrocos 396_zps9av3sntt.jpg

 photo Marrocos 399_zps8bifcaha.jpg
Não sei se por foi por já ser tarde, a verdade é que não fomos incomodados por nenhum "diligente marroquino", e pudemos andar livremente perdido pela medina.
Foi delicioso!

 photo Marrocos 402_zpsi0h5nwwk.jpg

 photo Marrocos 403_zpserdy79ll.jpg

 photo Marrocos 405_zpszyu0ijhk.jpg

 photo Marrocos 407_zps6jio1ue5.jpg
Por lá também existiam placas destas, que identificam os locais e contam um pouco da história.

Descobrimos que Bab significa porta, andámos mais ou menos perdidos, e  finalmente, com a ajuda do B-on-road chegámos à praça Uta el-Hammam.

 photo Marrocos 409_zpswxiehxy2.jpg

 photo Marrocos 411_zpshywofgv1.jpg

 photo Marrocos 412_zpsxsntei8q.jpg

 photo Marrocos 413_zpsaaksvnrr.jpg

 photo Marrocos 414_zpsdapdvrky.jpg

 photo Marrocos 415_zpsspvs06u7.jpg

 photo Marrocos 416_zpshhseriy9.jpg

 photo Marrocos 417_zpsildojxft.jpg

 photo Marrocos 418_zpsip8uzv2c.jpg

 photo Marrocos 419_zpsii2lhqtm.jpg

 photo Marrocos 420_zpsie9lofat.jpg

 photo Marrocos 421_zpszjz0basc.jpg

 photo Marrocos 424_zpslvkcr62j.jpg

 photo Marrocos 426_zpsesghl2ys.jpg

 photo Marrocos 427_zpsk1tbj27e.jpg

 photo Marrocos 428_zpshasoz2kg.jpg

 photo Marrocos 429_zpsn1l8x1lf.jpg

 photo Marrocos 430_zpsj7hzh9kj.jpg

 photo Marrocos 431_zpsyc132cte.jpg

 photo Marrocos 432_zpssfgqeelj.jpg

 photo Marrocos 433_zpsvwxykqyu.jpg

 photo Marrocos 434_zpsyweow4bk.jpg

 photo Marrocos 435_zps6barenrw.jpg

 photo Marrocos 436_zpscf7dfo6x.jpg

 photo Marrocos 438_zpsnmrtzocv.jpg

 photo Marrocos 439_zpsql0orkhu.jpg

 photo Marrocos 441_zpso9hut4d4.jpg
Jantámos numa varanda, no restaurante SíndíBad. Para mim foi mais uma tagine de legumes e cous cous, e para o marido, uma espetadas, desta vez com batata frita. Para sobremesa uns bolinhos e chá de menta.

A malta fala muito bem do chá, mas ou eu tive muito azar, ou aquilo é demasiado doce para mim! Confesso que não gostei.
Costumo fazer em casa com poucas folhas e uma casca de limão é é muito bom, mas em Marrocos, todos os chás que bebi eram super enjoativos de tão doces que eram.

 photo Marrocos 443_zpsrkcg49ln.jpg

 photo Marrocos 451_zpsgz1updhw.jpg

 photo Marrocos 462_zpsbhfhcanq.jpg

 photo Marrocos 466_zpshby0ayf9.jpg
 photo Marrocos 471_zpsidwhy7ds.jpg
Regressámos ao hotel já noite cerrada.
 photo Marrocos 468_zpst7c7lbsb.jpg

 photo Marrocos 472_zpsrxmq8q5i.jpg

 photo Marrocos 473_zpsjmxy2yau.jpg

 photo Marrocos 475_zps612xr2pj.jpg
No dia seguinte o destino seria Fez.

Sem comentários: